Visualizações do RecifeOlinda.com

Prefeitura do Recife anuncia o São João da Paz


O maior dos festejos nordestinos tomará conta da cidade, com concursos de quadrilhas infantis e adultas, procissões, caminhada e muito forró até o próximo dia 7 de julho

No mês de junho, todas as sanfonas entram em ação na capital pernambucana, garantindo arrasta-pé para todo lado. Entre os próximos dias 12 de junho e 7 de julho, a festa mais nordestina do calendário brasileiro vai tomar conta da cidade, trazendo como tema uma mensagem urgente: a paz. A programação preparada pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundação de Cultura Cidade do Recife, para celebrar os santos juninos com mais de 700 artistas locais, entre bandas, sanfoneiros e cantores célebres, grupos de coco, de xaxado e de ciranda, além de trios de forró pé-de-serra que, sozinhos, farão mais de 290 apresentações.
O primeiro compromisso dos recifenses com o rala-bucho é o Baile dos Namorados, no próximo dia 12 de junho, véspera do dia do casamenteiro Santo Antônio, com apresentações de Adilson Ramos e José Augusto, no Arcádia Apipucos. E o passeio na roça segue com a Caminhada do Forró, apresentações de quadrilhas adultas e infanto-juvenis, procissões, celebrações da tradição de matriz africana e festa de pescadores, até o dia 7 julho, quando a UR-02 recebe a 3ª Mostra de Quadrilhas Juninas da UR-02.
Nesse meio tempo, serão 37 arraiais espalhados pela cidade. O Sítio Trindade será mais uma vez o coração dos festejos. Mas os matutos da capital contarão com novidades, como o polo junino que será montado no Poço da Panela e o Arraial Frei Caneca, que celebrará o primeiro aniversário da emissora, em programação montada com curadoria e chancela da equipe da rádio, que será oferecida na Praça do Arsenal, no dia 29 de junho.
Entre as atrações, estarão bambas do samba recifense, especialmente reunidos para celebrar Jackson do Pandeiro, por ocasião de seu centenário. Mais conhecido por suas vertentes de coco e forró, a obra de samba de Jackson ainda é pouco visitada, mas foi dele a responsabilidade de introduzir a sanfona no samba.
No espetáculo do dia 29, um time de bambas do ritmo irá se reunir para reproduzir 13 canções do mestre como ‘A ordem é samba’, ‘Chiclete com banana’ e ‘Samba do Ziriguidum’, entre outras. No palco, músicos como o maestro Deneil Laranjeiras irão se unir às vozes de Lucinha Guerra, Nanau Nascimento e ao puxador de samba-enredo da Gigante do Samba, Jamelão que, ao lado de nomes como Rafa Almeida (Cordel do Fogo Encantado), Elias Paulino (Grupo Terra) e outros irão revisitar a obra daquele inesquecível mestre, também conhecido como o Rei do Ritmo.
No Sítio Trindade, a festa começa com o balancê das quadrilhas, que desfilam sua colorida tradição a partir do dia 15 de junho. Até o fim da festa, serão três os focos de animação: o palco principal, o Pavilhão das Quadrilhas e a Sala de Reboco, que este ano estará em novo local, mais pertinho dos quadrilheiros.
No parque que vira um pedacinho da roça no meio da capital, irão se apresentar as maiores atrações do São João 2019, como o homenageado da festa, Nando Cordel, além de Silvério Pessoa, Josildo Sá, Novinho da Paraíba, Genival Lacerda, Lia de Itamaracá, Petrúcio Amorim, Santanna, Terezinha do Acordeon, Salatiel Camarão, Maestro Forró & Fole Assoprado e Banda Fulô de Mandacaru.
O arrasta-pezinho que estreou no ano passado, com enorme sucesso, dedicando programação vespertina ao público infantil, será repetido e dobrado este ano, com atrações nos dia 23 e 24 de junho, a partir das 15h, no mesmo Sítio Trindade. As tradições de matriz africana também confirmarão seu espaço nos festejos juninos do Sítio, que recebe, no dia 20, a 13ª Exposição Culinária Afro-Brasileira. A partir das 18h, serão servidas iguarias preparadas nos terreiros de candomblé, para reverenciar os orixás, numa saborosa celebração ao sincretismo religioso e cultural brasileiro.
Junho adentro, vai ter festa para todo lado. Serão, ao todo, 13 arraiais de bairro, montados pela Prefeitura do Recife no Bongi, em Brasília Teimosa, Campo Grande, Cordeiro, nas duas unidades do Compaz (Alto Santa Terezinha e Imbiribeira) Ibura, Lagoa do Araçá, Totó, Vila Tamandaré, UR-02, Barro e Poço da Panela. Outros 17 arraiais tradicionais farão a festa, com apoio da Prefeitura do Recife, no Córrego do Euclides, Iputinga (dois arraiais), Campina do Barreto, Mangabeira, Chié, Morro da Conceição, Mustardinha, Casa Amarela, Cajueiro, Alto José Bonifácio, Várzea, Três Carneiros (Ibura), Madalena, Arruda, Alto José do Pinho e UR-2 (Ibura). Cada um desses arraiais terá dois ou três dias de programação, a maioria celebrando São João, entre 23, 24 e 25 de junho.
A festa de São Pedro também será animada. O pátio que leva o nome do padroeiro dos pescadores, no centro da cidade, ganhará programação nos dias 23, 24, 27, 28, 29 e 30. A festa encerra no Pátio com o Forró de PE, espetáculo preparado pela Secretaria de Cultura e Fundação de Cultura Cidade do Recife para celebrar os vários sotaques que o forró ganha nas diversas regiões do Estado, com atrações do Sertão do Agreste, da Mata Mara Norte, Mata Sul e Região Metropolitana do Recife.
NA INTERNET ­- O São João também vai invadir a internet com todas as informações referentes à programação, dias e locais detalhados, serviços, dicas e toda agenda do Ciclo Junino na cidade. Além do portal da Prefeitura (www.recife.pe.gov.br), outros canais oficiais disponibilizarão imagens, vídeos e notícias juninas: Facebook (@SaoJoaodoRecife), Twitter (@SaoJoaodoRecife) e Instagram (@SaoJoaodoRecife). O Twitter da CTTU (@CTTU_Recife) também trará informações e dicas sobre a mobilidade na cidade. O internauta que quiser participar da nossa cobertura, basta usar a hashtag #SaoJoaodoRecife. 

Google AdSense

Translater (tradutor)

Pesquisar

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Arquivo do Portal

Copyright © Recife Olinda | Powered by Blogger
Design by Viva Themes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com