header ads header adsheader ads

Pedagogia de Deus - Por Paiva Netto

 

Paiva Netto


“Eu te instruirei e te ensinarei o caminho que deves seguir; e te guiarei com os meus olhos.” (Livro dos Salmos, 32:8)

 

A Educação existe para libertar os povos. Mas, com a indispensável Espiritualidade Ecumênica, os sublima. Eis a Pedagogia de Deus, que prepara o indivíduo para viver a Cidadania Espiritual, Altruística, Ecumênica e Planetária, alicerçada no exercício pleno da Solidariedade, da Fraternidade e da Generosidade.

Ulysses Guimarães (1916-1992), eminente político brasileiro, traduz a necessidade do ensino ao declarar, em seu discurso proferido a 3 de fevereiro de 1987, após ter sido eleito presidente da Assembleia Nacional Constituinte: “‘Conhecer é ser livre’, dizia um dos grandes apóstolos da América, José Martí. (...) Não há um só exemplo de nação forte sem bom sistema de educação”.

Quanto à Pedagogia de Deus, ela foi antevista pelo saudoso Fundador da Legião da Boa Vontade, Alziro Zarur (1914-1979) nos anos 1950 e propõe a educação e a reeducação do Espírito Eterno do ser humano firmadas em Jesus, o Grande Educador dos Povos”, na definição do criador da LBV. Zarur também atestou: “O Novo Mandamento de Jesus — ‘Amai-vos como Eu vos amei’ — é a Essência de Deus”.

Justamente por isso, afirmo, o Mandamento Novo do Cristo é a Essência da Pedagogia de Deus. Não há nada mais ilustrativo que o Amor Fraterno, isto é, a vivência do espírito da Caridade, pois este sim vence qualquer empecilho e barreira, por maiores que sejam. Zarur ensinava que “Deus criou o ser humano de tal forma que ele só pode ser feliz praticando o Bem”.

O Cristo, que é ecumênico por excelência, veio pessoalmente há dois mil anos exemplificar isso. E exercitar a Ordem Suprema de Jesus implica a capacidade de dedicar-se ao próximo, mesmo àqueles que possam considerar-se nossos inimigos. Assim, aprendemos, sem insidiosa conivência com o erro, a conviver e, amando — a Verdade, a Fraternidade e a Justiça —, a edificar a Paz.

Não foi sem razão que o Sublime Pedagogo nos recordou esta esperançosa profecia anotada por Isaías“Está escrito nos Profetas: E serão todos ensinados por Deus” (54:13). “Todo aquele que do Pai tem ouvido e aprendido, esse vem a mim” (Evangelho, segundo João, 6:45).

 

José de Paiva Netto ― Jornalista, radialista e escritor.

paivanetto@lbv.org.br — www.boavontade.com

 

___________________________________

Serviço — Jesus e a Cidadania do Espírito (Paiva Netto), 400 páginas. À venda nas principais livrarias ou pela www.amazon.com.br

 

Postar um comentário

0 Comentários

header ads header adsheader ads